Skip to main content
Search
Paracetamol vs ibuprofeno: Conhece as diferenças?

Title

Paracetamol vs ibuprofeno: Conhece as diferenças?

Até há alguns anos atrás, o ácido acetilsalicílico era o medicamento mais conhecido para reduzir a febre e tratar o desconforto da gripe e constipação, mas tem perdido terreno para o paracetamol e o ibuprofeno. Em 2020, o paracetamol foi a substância ativa mais vendida (em volume) em Portugal e o ibuprofeno a terceira.

Nem sempre sabemos qual escolher quando temos uma dor de cabeça, febre ou congestão nasal. O conhecimento das diferenças entre o paracetamol e o ibuprofeno permite-nos utilizar o mais adequado para aliviar os nossos sintomas, tendo em conta o nosso estado de saúde.

Paracetamol: o que é e para que serve?

O paracetamol é um analgésico e antipirético e é utilizado para tratar dores ligeiras a moderadas e febre. É recomendado para: alívio de dores de cabeça, sintomas de constipação, gripe, dores de dentes, ou febre pós-vacinação.

O paracetamol atua no centro termorregulador do hipotálamo, inibindo a síntese de prostaglandinas, substâncias envolvidas na regulação da temperatura corporal. Adicionalmente e em menor grau, o paracetamol bloqueia a geração do impulso da dor a nível periférico.

É indicado para pessoas que não podem tomar salicilatos ou outros anti-inflamatórios não esteróides: pessoas alérgicas ou com hipersensibilidade a qualquer um destes tipos de analgésicos, pessoas com histórico de úlcera péptica, pessoas com menos de 16 anos de idade (para evitar o risco de síndrome de Reye) ou pessoas idosas. O uso de paracetamol é recomendado, entre outras razões, porque não é agressivo para a mucosa gástrica, embora o tratamento prolongado com doses elevadas possa afetar o fígado.

A dosagem de paracetamol

O paracetamol pode começar a reduzir a febre e aliviar a dor 15-30 minutos após a administração, embora o seu efeito analgésico máximo seja obtido em cerca de uma hora.

A dose de paracetamol recomendada em adultos é de 500 mg a 1 g, 3 ou 4 vezes por dia, dependendo da intensidade do desconforto, mas sempre com intervalo mínimo de pelo menos 4 horas entre uma administração e outra. Os adultos não devem ingerir mais de 4 gramas por dia.

Ibuprofeno: O que é e para que serve?

O ibuprofeno é um analgésico periférico e antipirético que também reduz a inflamação, pertencente ao grupo dos chamados anti-inflamatórios não esteróides. É utilizado para reduzir a febre e aliviar dores leves a moderadas, tais como: dores de cabeça, dores musculares, dores nas costas, dores de artrite, cólicas menstruais e sintomas de constipação ou gripe.

Dosagem de ibuprofeno

A dose oral habitual para condições dolorosas e redução da febre é de 600 mg a 1,2 g diários em doses individuais de 200-400 mg a cada 4-6 horas, até um máximo de 1,2 g diários.

Precauções com ibuprofeno

O ibuprofeno não deve ser tomado com o estômago vazio, pois pode irritar o revestimento gástrico. Por conseguinte, recomenda-se tomá-lo após ou com as refeições para evitar desconforto digestivo.

O tratamento prolongado com doses elevadas deve ser evitado, uma vez que pode aumentar o risco de efeitos adversos, com especial precaução nos doentes idosos, naqueles com histórico de hipertensão e/ou insuficiência cardíaca.

Precauções com paracetamol

O uso de paracetamol em doses elevadas pode danificar o fígado. Por este motivo, a utilização simultânea de mais de um medicamento contendo paracetamol deve ser evitada.

A este respeito, é fundamental ler a rotulagem e o folheto informativo dos medicamentos, antes de os tomar, de forma a ficar informado sobre todos os seus componentes.

Quando é melhor tomar paracetamol e quando se toma ibuprofeno?

A intensidade da dor e da inflamação são chave para determinar quando é necessário tomar paracetamol ou ibuprofeno. Se tiver dores fortes com inflamação, tais como entorses ou dores musculares e articulares, é melhor usar ibuprofeno. Em casos de febre e dor sem inflamação, podemos usar paracetamol.

Recomendações finais para a toma de paracetamol e ibuprofeno

Quer seja paracetamol ou ibuprofeno, é importante tomar sempre a dose mínima necessária para aliviar os sintomas da gripe e constipação durante o período de tempo mais curto possível. Siga as instruções do folheto informativo e/ou o aconselhamento do seu médico ou farmacêutico.

Conheça os nossos medicamentos: Cêgripe® , com Paracetamol e Clorofeniramina, que está indicado para casos de gripe e constipação, enquanto que Cegrinaso®, com Ibuprofeno e Pseudoefedrina, está indicado para o tratamento sintomático da congestão nasal associada a rinossinusite aguda com suspeita de origem viral com cefaleia e/ou febre em adultos e adolescentes com idade igual ou superior a 15 anos.

PT-CPE-2200001